Home Como cuidar Stanhopea

Flores da semana

 

 

 

Orientações gerais para o cultivo : Stanhopea

 

Stanhopeas e os gêneros relacionados tem grandes folhas plissadas e mostram flores incríveis com intricados e complexas estruturas e mecanismos para polinização, pendurados por um canal para a passagem de insetos para um reservatório de uma solução aquosa. A maioria tem a inflorescência voltada para baixo por isto estas plantas devem ser plantadas em cestos pendurados.  O perfume das maioria das flores são de especiarias. As flores são de curta duração e cada planta pode produzir inflorescências durante o ano. Gêneros relacionados Paphinia e Peristeria crescem em lugares mais quentes que os demais do grupo.

 

Luz : Deve ser brilhante com incidência de luz difusa direta, senão podem queimar as folhas. O ideal é de 3.000 velas.

 

 Temperatura: deve ser moderada 11ºC a 16ºC à noite e 20ºC a 24ºC durante o dia no inverno. As plantas podem suportar temperaturas mais altas por um curto período de tempo, mas o movimento de ar, umidade e sombra devem ser aumentadas. Muitas espécies florescem no verão.

 

Rega: deve ser abundante para produzir pseudobulbos fortes e prevenir pontos negros nas folhas. Stanhopeas e seus relacionados são sensíveis ao acúmulo de sais no substrato, assim não devem secar completamente antes da próxima rega, mesmo durante o inverno quando o crescimento é mais lento ou parado. Hábito da rega pobre pode conduzir a perda de raiz e a sua recuperação pode ser muito lenta.

 

Adubação: adubar em intervalos regulares. A maioria dos produtores adubam toda semana ou a cada 2 semanas. Para plantas em casca de árvore usar a fórmula 30-10-10 alternando com 20-20-20, na época da floração que é no verão usar 10-30-20.

 

Replantio: Fazer depois a florada do verão, como a maioria das plantas que crescem o ano inteiro. Plantas que repousam no inverno podem ser replantadas na primavera. As melhores floradas vem de grandes touceiras, assim cachepots grandes são normalmente utilizados. Substrato aerado mostram melhores resultados, assim como substrato de granulação média misturados com esfagno. Replantar a cada 3 anos.

 

 

 
 

Orquidário virtual

Natural Híbridos Micro espécies Terrestres

Todos os Produtos


Pesquisa Avançada





Perdeu a senha?
Esqueceu o seu nome de usuário?
Ainda não tem conta? Registro

Mostrar Cesto
O seu Cesto encontra-se vazio no momento.